Via Sacra ou Via Dolorosa

Santo Sepulcro

A Via Sacra é o caminho dos últimos momentos de sofrimento de Jesus Cristo. Foi nas ruas de Jerusalém, que Jesus percorreu as últimas horas antes de ser crucificado. A tradição cristã mostra os lugares onde foram os eventos daquele dia, e hoje esse percurso é feito por vários peregrinos, ou simplesmente turista a ponto de imaginar e reviver a história mais conhecida do mundo.

Igrejas e  marcações simbólicas na rua vão mostrando o caminho. O caminho está sempre de cheio de turistas, peregrinos que alguns com muita fé carregam sua própria cruz.

O trajeto total só pode ser feito a pé e é marcado por 14 pontos em um total de 600 metros de percurso entre a primeira e última estação, todos pela rua de nome Via Dolorosa.

1ª – Jesus é condenado.

Porta do Leão, essa estação fica no interior de um colégio árabe chamado Escolha Primária Umariya, mas não é permitido o acesso à área interna.

2ª – Jesus carrega a cruz.

Capela da Flagelação e a Capela da Condenação, a estação que Jesus sofreu a flagelação.

3ª e 4ª – Jesus cai pela primeira vez e encontra a sua mãe.

Patriarcado Armênio de Jerusalém e uma capela em ruínas ao lado.

5ª – Simão Cireneu ajuda Cristo a carregar a cruz.

Um oratório franciscano localizado na Via Dolorosa.

6ª – Jesus tem o rosto limpo por uma mulher (Verônica).

Capela Grego-Católica.

7ª – Jesus cai pela segunda vez.

Jesus caiu pela segunda vez a caminho do calvário na Rua do Mercado.

8ª – Jesus consola as mulheres de Jerusalém

Em uma das ruas de Jerusalém está o ponto onde Jesus parou para consolar as mulheres que o acompanhavam pelo caminho.

9ª – Jesus cai pela terceira vez.

Uma coluna de estilo romana em frente a entrada do mosteiro Copta.

A partir da 9º estação as demais estações estão localizadas dentro da Basílica do Santo Sepulcro – o local onde Jesus, foi crucificado, morto e sepultado. Segundo a tradição cristã, a primeira Igreja do Santo Sepulcro tinha sido construída sobre um antigo templo romano do século II que, tinha sido construído sobre o local de acontecimentos bíblicos. E nesse templo romano foram encontrados vários túmulos, um deles teria sido identificado como o de José de Arimateia. E é neste túmulo, que permanece até hoje na Igreja do Santo Sepulcro, o local onde Jesus foi enterrado.

Dentro da Basílica está a Pedra da Unção, onde o corpo de Jesus foi preparado para a crucificação.

10ª – Jesus é despojado de suas vestes.

Na Capela Romana Católica, essa estação está em uma sala que é vista por uma janela.

11ª – Jesus é pregado na cruz.

Ainda na Capela Romana, em um  pequeno altar com uma imagem na parede marca o momento em que Jesus é pregado na cruz.

12ª – Jesus morre na cruz.

Na agora na Capela Greco Ortodoxa está a Pedra do Calvário que foi o local onde foi colocada a cruz em que Jesus foi crucificado e morto.

13ª – O corpo de Jesus é retirado da Cruz.

São duas versões. Uma é o local com a imagem de Maria, localizada próxima às estações anteriores. A outra é a Pedra da Unção, localizada na entrada da Basílica.

14ª – Jesus é sepultado.

Está no vão central da grande Rotunda uma câmara que abriga a Capela do Anjo e o Santo Sepulcro. No interior está o que seria, segundo a tradição cristã, o túmulo de Jesus.

Avatar

Katia

Kátia Ribeiro - Luxury Concierge, assessora em viagens exclusivas pelo mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *