Sugestões de Roteiros – China

Sugestões de Roteiros – China


China, além de estar do outro lado do mundo, é um pais enorme, entao, quem encarar 24 horas de voo para chegar nessa enorme pais, deverá estar pelo menos uma semana para se encantar com essa cultura milenar.
Além de ser o pais de uma das sete maravilhas do mundo, a terra dos lindos pandas, o cenário do filme Avatar, as tecnologias desenvolvidas, e local do segundo edificio maior do mundo. Opcoes de roteiro nao faltarao para planejar sua viagem!
Para comecar, apresentamos um roteiro para quem tem pouco tempo, mas quer conhecer as principais cidades, conhecida como o triângulo de ouro:


03 noites em Pequim / 02 noites em Xi An / 02 noites em Shanghai

Triângulo de Ouro

1) Pequim

Chegada e traslado ao hotel. Pequim é uma das maiores e mais antigas cidades do mundo, conta com uma fascinante mistura de tradição e modernidade, de palácios imperiais a modernos centros comerciais. Como capital cultural e política do país, é uma parte essencial de qualquer roteiro na China. Restante do dia livre. Hospedagem.

2) Pequim (Cidade Proibida)

Café da manhã. Saída até o Grande Teatro Nacional. Continuação com a visita da cidade: o Palácio Imperial, mais conhecido como a “Cidade Proibida” que é um complexo com mais de 980 edifícios de estilo tradicional, declarado Patrimônio da Humanidade pela Unesco, e a Praça Tian An Men, construída durante a dinastia Ming e uma das maiores do mundo, tornou-se um símbolo universal da China. Visita ao Palácio de Verão e seu extenso parque, usado exclusivamente na época da Dinastia Qing por membros da Casa Imperial. Retorno à cidade para desfrutar de uma degustação na Casa de Chá e passear pelo moderno bairro de Sanlitun, com ótima vida noturna, oferta gastronômica variada e um grande centro comercial. Hospedagem.

3) Pequim (Grande Muralha)

Café da manhã. Saída para visitar uma das sete maravilhas do mundo moderno, a Grande Muralha da China, a construção começou como uma proteção contra a invasão das tribos nômades do norte, entre os séculos XV e XVI quando os imperadores Ming construíram a parede contínua de 7.000 km que atualmente atravessa um total de sete províncias. À tarde, retorno a Pequim para visitar o Templo do Céu, um dos maiores locais sagrados da China, construído durante a dinastia Ming em 1420, era o local onde o imperador agradecia aos céus as colheitas obtidas e orava pelas seguintes. No Templo do Céu nada é casual e cada construção tem um simbolismo para a cultura chinesa. Está rodeado por um grande parque onde os habitantes de Pequim praticam Tai-chi, as crianças brincam e os músicos tocam instrumentos de corda típicos. Pela noite poderá jantar e saborear o delicioso “pato laqueado” de Pequim. Hospedagem.

4) Pequim- Xian

Café da manhã. Traslado até a estação para embarque no trem de alta velocidade para Xian. Chegada e traslado ao hotel. Xian, cidade que marca o extremo leste da Rota da Seda e onde se encontra o famoso Exército de Guerreiros de Terracota. Hospedagem.

5) Xian (Museu dos Guerreiros de Terracota)

Café da manhã. Cidade conhecida pela descoberta da Tumba do Imperador Qin Shi Huangdi, que guardavam em seu interior mais de 6.000 figuras de guerreiros e cavalos de terracota em tamanho real. Visita à sala onde estão expostas as figuras de terracota com mais de 2000 anos de antiguidade. À tarde, visita ao Pagoda do Ganso Selvagem este curioso pagoda é construído por níveis seguindo o estilo arquitetônico das estupas budistas indianas. Para terminar o dia, passeio pelo famoso Bairro Muçulmano, uma longa rua de barracas de comida, restaurantes e lojas com uma profunda atmosfera cultural muçulmana. Hospedagem.

6) Xian – Shanghai (Jardim Yuyuan)

Café da manhã. Traslado para o aeroporto e saída em voo com destino a Shanghai. Chegada e traslado ao hotel. À tarde, visita ao Jardim Yuyuan, desenhado no século XVI, construído à imagem e semelhança dos jardins imperiais. É um lugar tranquilo, repleto de pavilhões tradicionais e lagoas com vegetação variada e formas rochosas. Em seguida, visita ao Templo do Buda de Jade, que contém duas estátuas de Buda birmanês, esculpidas em uma única peça de jade branco. Em seguida, passeio pelo píer ou Bund, uma área de pedestres de 2 km que corre ao longo do lado oeste do rio Huangpu e de onde se obtém a melhor visão de Pudong, o distrito financeiro da cidade. O último passeio do dia será pelo bairro de Xiantiandi, surpreendente por suas vielas e casas no estilo Shikumen, construção típica da Shangai de 1890 que mescla as casas do sul da China da época e o estilo vitoriano. Neste bairro encontram-se bares com ambiente ocidental e alguns dos restaurantes mais requintados de Shanghai. Hospedagem.

7) Shanghai

Café da manhã. Dia livre para conhecer a cidade por conta própria, passear, fazer compras ou realizar uma visita opcional como o tour à cidade da água de Zhujiajiao, conhecida como a “Veneza de Shanghai”, é um exemplo das cidades históricas da China com seu rio bem preservado, seus canais, pontes e casas da dinastia Ming. Ou ir a um zoologico para ver os ursos pandas. Hospedagem.

8) Shanghai

Café da manhã. Traslado ao aeroporto.

Para quem ainda tem mais um tempinho, poderá fazer uma extensão em Hong Kong, passando por Guilin e Guangzhou.

03 noites em Pequim
02 noites em Xian
02 noites em Shanghai
01 noite em Guilin
01 noite em Guangzhou
05 noites em Hong Kong

8) Shanghai- Guilin

Café da manhã. Traslado ao aeroporto para embarque no voo até Guilin. Chegada e traslado ao hotel. Guilin é banhada pelo gigantesco rio Li Jiang, que alimenta lagos de águas cristalinas, e cercada por altas montanhas de rochas calcárias. Tarde livre para descobrir a cidade por conta própria, fotografar as pagodas do Sol e da Lua, passear pela Rua Zhengyan, onde você pode realizar compras e saborear a comida local, ou ir ao mercado noturno. Hospedagem.

9) Guilin- Guangzhou

Café da manhã. Saída para realizar um passeio de barco pelo rio Li Jiang, para desfrutar da incrível paisagem dos picos kársticos, penhascos, cavernas e cachoeiras. À tarde, visita a Gruta das Flautas de Cana, uma milenar caverna natural onde coexistem em seu interior estalactites e estalagmites com inscrições de poemas do período Tang e com as memórias dos habitantes de Guilin que se refugiaram nesta caverna durante a Segunda Guerra Mundial. Traslado à estação de transporte ferroviário e saída em Trem de Alta Velocidade com destino Guangzhou, importante porto fluvial e marítimo do sul de China. É uma das cidades históricas mais famosas da China, com uma existência de mais de 2.800 anos. Está banhada pelo Mar da China meridional, próximo a Hong Kong e a Macau. Chegada, traslado ao hotel. Hospedagem.

10) Guangzhou – Hong Kong

Café da manhã. Saída para visitar o Templo da Família Chen, uma maravilhosa joia arquitetônica da Dinastia Qing que foi construída para treinar estudantes para os exames imperiais, possui 19 edifícios e é um exemplo da arquitetura Chinesa. Continue até a impressionante Praça Huacheng, com 560.000 metros quadrados, mais de 600 árvores, um grande lago e 2 quilômetros de passarela para caminhar. O ambiente com a torre de televisão ao fundo e os arranha-céus que já antecipam nosso próximo destino: Hong Kong. À tarde, traslado ao cais “Shun De” para embarque no ferry com destino a Hong Kong. Chegada em Hong Kong e traslado ao hotel. Hospedagem.

11) Hong Kong (Baía Repulse)

Café da manhã. Visita a cidade, aproveitando a passagem da história por Hong Kong. Considerada hoje um dos mais importantes centros turísticos, financeiros e comerciais do mundo. Visita a Repulse Bay, um refúgio de paz nas praias mais populares da ilha. Subida a Victoria Peak, a montanha mais alta de Hong Kong, de cujo cume se pode desfrutar de uma vista deslumbrante da cidade. Tarde livre. Hospedagem.

12) Hong Kong – Macau – Hong Kong

Café da manhã, saída em ferry para passar o dia na cidade de Macau, que foi uma colonia portuguesa, andar pelas ruas de Macau, é como se estivesse andando pelos centros das principais capitais brasileiras. Toda a sinalização é em português e chinês, embora ninguém fale português. Além da arquitetura tipica portuguesa, Macau tem vários casinos (mistura de Portugal com Las Vegas). Ao final da tarde retorno a Hong Kong. Hospedagem.

13) Hong Kong

Café da manhã, saída para Lantau, para visitar o maior buda sentado do mundo. Essa ilha é conectada por teleferico, aproveite o transporte – passeio para ter uma vista aérea da ilha. Retorno a Hong Kong ao final da tarde. Hospedagem.

14) Hong Kong

Café da manhã, e dia livre para desfrutar a cidade, ou ir na Disnelaynd – que é possível ir em metro. Hospedagem.

15) Hong Kong

Café da manhã. Traslado ao aeroporto.

Ainda temos uma ramificação do roteiro, que poderá fazer um “desvio” para conhecer outra região da China.

03 noites em Pequim
02 noites em Xian
01 noite em Hangzhou
01 noite em Suzhou
02 noites em Shanghai
05 noites em Hong Kong

6) Xian- Hangzhou

Café da manhã. Traslado ao aeroporto para embarque em voo com destino a Hangzhou. Esta cidade de mais de 10 milhões de habitantes é uma das mais belas da China, nos tempos antigos era conhecida como “Paraíso na Terra” e foi a capital de vários estados e um dos principais centros da cultura chinesa. Tarde livre para desfrutar de um agradável passeio por conta própria ao longo da Rua Qing He Fang. Hospedagem.

7) Hangzhou – Suzhou (Lago Oeste)

Café da manhã. Passeio de barco pelo imenso e charmoso Lago do Oeste, outro exemplo de uma autêntica paisagem tradicional chinesa, com água, ilhas, jardins e templos. Visita ao Templo das Almas Escondidas, um popular templo de peregrinação budista. Traslado até a estação para embarque em trem ou ônibus com destino Suzhou, uma cidade acolhedora conhecida como “a Veneza chinesa” pelos canais que atravessam a cidade. Cada canto de Suzhou nos surpreenderá, de suas vielas e seus jardins clássicos que são Patrimônio Mundial pela UNESCO, até seus calçadões cheios de lojas e cafés que mantêm a atmosfera e o estilo arquitetônico tradicional. Hospedagem.

8) Suzhou – Shanghai (Jardim dos Pescadores)

Café da manhã. Visita ao Jardim do Pescador, um jardim que contém um lago, com pontes, passarelas, mirantes de madeira e locais cercados por uma natureza exuberante. Continuação até a Colina do Tigre, reconhecida por ser o local de sepultamento do Rei He Lu, o fundador da cidade e por sua majestosa pagoda de sete andares rodeada por uma pequena floresta e um canal de água. Traslado até a estação para embarque em trem com destino a Shanghai. Chegada e hospedagem.

China com Urso Panda

1) Pequim

Chegada e traslado ao hotel. Pequim é uma das maiores e mais antigas cidades do mundo, conta com uma fascinante mistura de tradição e modernidade, de palácios imperiais a modernos centros comerciais. Como capital cultural e política do país, é uma parte essencial de qualquer roteiro na China. Restante do dia livre. Hospedagem.

2) Pequim (Cidade Proibida)

Café da manhã. Saída até o Grande Teatro Nacional. Continuação com a visita da cidade: o Palácio Imperial, mais conhecido como a “Cidade Proibida” que é um complexo com mais de 980 edifícios de estilo tradicional, declarado Patrimônio da Humanidade pela Unesco, e a Praça Tian An Men, construída durante a dinastia Ming e uma das maiores do mundo, tornou-se um símbolo universal da China. Visita ao Palácio de Verão e seu extenso parque, usado exclusivamente na época da Dinastia Qing por membros da Casa Imperial. Retorno à cidade para desfrutar de uma degustação na Casa de Chá e passear pelo moderno bairro de Sanlitun, com ótima vida noturna, oferta gastronômica variada e um grande centro comercial. Hospedagem.

3) Pequim (Grande Muralha)

Café da manhã. Saída para visitar uma das sete maravilhas do mundo moderno, a Grande Muralha da China, a construção começou como uma proteção contra a invasão das tribos nômades do norte, entre os séculos XV e XVI quando os imperadores Ming construíram a parede contínua de 7.000 km que atualmente atravessa um total de sete províncias. À tarde, retorno a Pequim para visitar o Templo do Céu, um dos maiores locais sagrados da China, construído durante a dinastia Ming em 1420, era o local onde o imperador agradecia aos céus as colheitas obtidas e orava pelas seguintes. No Templo do Céu nada é casual e cada construção tem um simbolismo para a cultura chinesa. Está rodeado por um grande parque onde os habitantes de Pequim praticam Tai-chi, as crianças brincam e os músicos tocam instrumentos de corda típicos. Pela noite poderá jantar e saborear o delicioso “pato laqueado” de Pequim. Hospedagem.

4) Pequim- Xian

Café da manhã. Traslado até a estação para embarque no trem de alta velocidade para Xian. Chegada e traslado ao hotel. Xian, cidade que marca o extremo leste da Rota da Seda e onde se encontra o famoso Exército de Guerreiros de Terracota. Hospedagem.

5) Xian (Museu dos Guerreiros de Terracota)

Café da manhã. Cidade conhecida pela descoberta da Tumba do Imperador Qin Shi Huangdi, que guardavam em seu interior mais de 6.000 figuras de guerreiros e cavalos de terracota em tamanho real. Visita à sala onde estão expostas as figuras de terracota com mais de 2000 anos de antiguidade. À tarde, visita ao Pagoda do Ganso Selvagem este curioso pagoda é construído por níveis seguindo o estilo arquitetônico das estupas budistas indianas. Para terminar o dia, passeio pelo famoso Bairro Muçulmano, uma longa rua de barracas de comida, restaurantes e lojas com uma profunda atmosfera cultural muçulmana. Hospedagem.

6) Xian- Chengdu

Café da manhã. Traslado à estação para seguir de trem de alta velocidade até Chengdu. Localizado na província de Sichuan, Chengdu é o lar de um dos mamíferos mais queridos da China e do mundo: o panda gigante. Este é o melhor lugar na China para interagir com esses pandas, mas Chengdu também tem uma rica história influenciada pelas culturas tibetana e mongol que se reflete em sua comida e cultura da cidade. Chegada em Chengdu. Tarde livre. Hospedagem.

7) Chengdu (Centro de Criação de Ursos Panda)

Café da manhã. Saída para visitar o Centro de Criação de Ursos Panda, que foi fundado em 1987 e é o único do gênero no mundo que está localizado em uma área metropolitana. O objetivo inicial do centro era construir um ecossistema semelhante ao habitat natural dos pandas para entender melhor seu comportamento. A base abriga vários recintos para pandas gigantes de diferentes idades, um centro de pesquisa e reprodução, viveiros para os filhotes de pandas, um museu de pandas gigantes e muito mais, proporcionando uma experiência divertida e educativa para visitantes de todas as idades. À tarde, saída para visitar o Buda Gigante de Leshan, uma incrível e imensa relíquia religiosa, uma estátua de 71 metros esculpida em um penhasco na confluência de três rios. O Buda de Leshan data de mais de mil anos de antiguidade e é a estátua de Buda de pedra mais alta do mundo. Retorno ao hotel e hospedagem.

8) Chengdu- Shanghai

Café da manhã. Traslado até aeroporto para embarque em voo com destino a Shanghai. Chegada a maior e mais habitada cidade da China, com séculos de história e local de disputa e guerras entre franceses, ingleses, americanos e japoneses, preserva o legado chinês ocidental e tradicional e é um dos exemplos mundiais de arquitetura futurista que encontraremos em seu distrito de Pudong com arranha-céus imponentes e brilhantes: o Shanghai Word Financial Center e a torre de televisão Pérola do Oriente. Traslado ao hotel. Hospedagem.

9) Shanghai (Jardim Yuyuan)

Café da manhã. Saída para visitar o Jardim Yuyuan, projetado no século XVI e que foi construído à imagem e semelhança dos jardins imperiais. É um lugar tranquilo cheio de pavilhões tradicionais e lagoas com vegetação variada e formas rochosas. Caminharemos pelo bairro antigo que concentra o estilo e a atmosfera da China Tradicional e visitaremos o Templo do Buda de Jade, que contém duas estátuas birmanesas de Buda, esculpidas em uma única peça de jade branco. Depois caminhada ao longo do Malecón, uma área de calçada de 2 kms que corre ao longo da parte ocidental do rio Huangpu e de onde você encontra as melhores vistas de Pudong, o distrito financeiro da cidade. Hospedagem.

10) Shanghai

Café da manhã. Traslado ao aeroporto.

Para esse roteiro, podemos adicionar a cidade que foi cenário do Avatar, dessa forma ficaria:

03 noites em Pequim
02 noites em Datong
02 noites em Pingyao
02 noites em Xian
02 noites em Chengdu
03 noites em Guilin
03 noites em Zhangjajie
02 noites em Shanghai

4) Pequim – Datong

Café damanhã e visita aos tradicionais hutongs onde a cultura e a vida local estão presentes. É uma oportunidade de ver a vida dos cidadãos. Em seguida, saída para um mercado local, o Mercado Hong Qiao. Após as visitas, saída a estação de trem de Pequim, para pegar o trem-bala da China para ir até Datong. Chegada e e traslado. Hospedagem.

5) Datong

Café da manhã, saida para visitar o Templo Suspenso (Templo no Ar) e o Pagode de Madeira Yingxian, e depois saída para Pingyao. O Templo Suspenso (Templo no ar), é um maravilhoso mosteiro listado como Patrimônio Mundial. O mosteiro suspenso foi magicamente construído em uma rocha quase vertical e fica a cerca de 50 metros acima do solo. O mosteiro é o único na China que consagra o budismo, o taoísmo e o confucionismo dentro de um mosteiro. O Pagode de Madeira Yingxian é o pagode de madeira mais antigo e mais alto da China. O pagode foi construído há mais de 900 anos. É um mistério para cientistas e turistas que este pagode tenha resistido a vários desastres naturais e ainda tenha conseguido manter a sua condição original.

6) Datong – Pingyao

Café da manhã. Hoje visita as atrações na cidade de Datong, Grutas de Yungang, Templo Shanhua. Grutas de Yungang que foram escavadas durante um período de quarenta anos (CE 453-493). Estende-se continuamente por cerca de 1000 metros de leste a oeste e é um dos quatro famosos complexos de grutas de toda a China. Templo Shanhua, localizado no centro de Datong, dentro das antigas muralhas da cidade. Foi construído pela primeira vez durante a Dinastia Tang (618-907 AC), mas a maior parte do atual edifício de madeira remonta ao século XII. O templo abriga algumas estátuas esculpidas da Dinastia Jin (265-420 AC) e uma tela de parede decorada com dragões. Pela tarde saída à estação de trem para pegar o trem para a Cidade Antiga de Pingyao. Hospedagem.

7) Pingyao

Café da manhã. Visita a uma enorme casa de um homem rico da Dinastia Qing, que é o representante da casa do norte da China popular naquela dinastia – Wang Family Compound.A arquitetura tem uma escala magnífica com cinco becos, cinco fortalezas e cinco templos ancestrais. Além disso, o layout do pátio dos cinco fortes antigos foi comparado respectivamente com os cinco layouts de animais da sorte de “dragão, fênix, tartaruga, kylin e tigre”. Em seguida, visite a Cidade Antiga de Zhangbi, ou Castelo Antigo de Zhangbi, localizado na cidade de Zhangbi. Com área de cerca de 12 quilômetros quadrados, foi inicialmente estabelecido como parte de um sistema de defesa militar. Seu túnel subterrâneo foi construído cientificamente de acordo com a antiga astrologia chinesa. Templos e edifícios antigos estão espalhados pela cidade. Hospedagem.

8) Pingyao – Xian

Café da manhã, saída para explorar a Cidade Antiga de Pingyao. A história da cidade de Pingyao está intimamente ligada à história do sistema bancário chinês: o antigo Banco Rishengchang foi, de fato, o primeiro banco da China. Visite também outros lugares famosos, como: a antiga muralha da cidade e a rua Mingqing. Pela tarde saída até a estação para pegar o trem de alta velocidade para Xi’an.
9) Xian (Museu dos Guerreiros de Terracota)
Café da manhã. Cidade conhecida pela descoberta da Tumba do Imperador Qin Shi Huangdi, que guardavam em seu interior mais de 6.000 figuras de guerreiros e cavalos de terracota em tamanho real. Visita à sala onde estão expostas as figuras de terracota com mais de 2000 anos de antiguidade. À tarde, visita ao Pagoda do Ganso Selvagem este curioso pagoda é construído por níveis seguindo o estilo arquitetônico das estupas budistas indianas. Para terminar o dia, passeio pelo famoso Bairro Muçulmano, uma longa rua de barracas de comida, restaurantes e lojas com uma profunda atmosfera cultural muçulmana. Hospedagem.

10) Xian – Chengdu

Descubra mais da história antiga de Xi’an escalando a Muralha da Cidade Antiga, que forma a defesa mais antiga e completa da cidade, construída no século 13. Em seguida, visite o Pagode do Pequeno Ganso Selvagem e o Museu de Xian, ambos muito próximos. Essa área é uma praça com várias lareiras, estrutura de tijolos de quinze andares. Esculpidas no lintel estão imagens de arhats e desenhos de gramíneas, seu excelente acabamento, refletindo o estilo artístico do início da dinastia Tang. Pela tarde saída até a estação de trem para pegar o trem até o local de nascimento dos pandas, Chengdu.

11) Chengdu

Em Chengdu você experimentará cultura e vida. O Grande Buda de Leshan está localizado a leste da cidade de Leshan. Até o momento, ainda é a maior estátua budista esculpida em pedra do mundo. Você pode sentar-se a bordo para ter uma vista do Grande Buda de Leshan. Retorno à cidade para visitar o Mosteiro de Wenshu. Este grande templo zen-budista é um complexo animado e atraente. Os salões primorosamente decorados abrigam uma fascinante coleção de obras de arte, estátuas e curiosidades. Hospedagem.

12) Chengdu – Guilin

Será um dia inesquecível na sua vida, você vai conhecer de perto os pandas gigantes! Localizado a 10 quilómetros a norte de Chengdu, este belo parque de 230 hectares, o Centro de Pesquisa e Reprodução de Pandas, é o lar de pandas gigantes e outras espécies ameaçadas de extinção. Visite o berçário para ver o programa de reprodução de grande sucesso e os numerosos recintos entre lagos, florestas de bambu e trilhas sombreadas para ver pandas descansando e brincando. À tarde retorno à cidade para ser um “nativo de Chengdu” na Praça do Povo. Em seguida, visite uma rua antiga muito animada chamada Jinlin Street, repleta de comidas típicas e artesanato local. Hospedagem.

13) Guilin

Café da manhã e saída para os campos em Longji Terraces. Construídos nas encostas, os terraços ficam lindos quando o sol reflete na água dos arrozais e os campos ficam amarelos quando a colheita está madura. Longji (‘costas do dragão’). O grupo étnico minoritário Yao vive lá há gerações em casas de madeira. Hospedagem.

14) Guilin – Yangshuo

Café da manhã e saída para preciar a deslumbrante beleza natural do Rio Li, em um cruzeiro de Guilin a Yangshuo que leva cerca de quatro horas. Chegada em Yangshuo no cais próximo à movimentada West Street aproximadamente às 13h30. Oportunidade de explorar as mais belas paisagens rurais de Yangshuo. Hospedagem.

15) Guilin – Zhangjiajie

Café da manhã e retorno a Guilin para pegar o trem de alta velocidade para Zhangjiajie, o trem leva cerca de 7 horas e meia. Chegada e hospedagem.

16) Zhangjiaji

As montanhas Yuanjiajie e Tianzi são os lugares mais clássicos do Parque Florestal Nacional. Pegue o teleférico até a montanha Tianzi e veja através do vidro abaixo de seus pés grandes áreas de picos grotescos de arenito que se erguem do solo. Visite a Área Cênica de Yuanjiajie, que serviu de inspiração para as Montanhas Aleluia em Avatar.

17) Zhangjiaji – Lago Baofend

Café da manhã visite o Lago Baofeng que fica próximo ao parque, pegue um barco de madeira no lago. É uma experiência agradável navegar pelas águas límpidas, ver os morros de diversas maneiras e desfrutar da diversão das minorias locais enquanto cantam suas canções tradicionais. O Grande Vale com a ponte de vidro é uma das maravilhas naturais recentemente desenvolvidas. Eles incorporam montanhas, rios, cavernas, falésias e florestas. A ponte de vidro é a mais longa e mais alta do mundo. Caminhar pela ponte com fundo de vidro que fica a 300 metros acima do solo será uma experiência única! Hospedagem.

18) Montanha de Tianmen – Shanghai

Tianmen significa literalmente ‘Portão do Céu’, e a Montanha Tianmen corresponde ao seu nome. Com uma altitude de 1.518 metros (4.980 pés), sua paisagem é frequentemente bloqueada por uma espessa neblina pela manhã. Além de suas belas paisagens, você fará seu coração bater mais forte ao percorrer sua passarela de vidro, suspensa a 1.430 metros, o passeio de teleférico mais longo do mundo, da cidade ao topo da montanha; saída pela estrada de montanha conhecida como rodovia das 99 curvas. Pela tarde voo a Shanghai. Hospedagem.

Nesse roteiro ainda poderá adicionar algumas noites em Hong Kong

Transiberiano

A Ferrovia Transiberiana é a maior ferrovia do mundo. O Trem Transiberiano está em operação desde 1916 e seu trajeto tem 9.289 km.
A Rota Transiberiana possui 3 trajetos distintos que começam ou terminam em Pequim. Veja o mapa da transiberiana:
Para a rota que sai desde Pequim, poderá incluir um dos roteiros acima, finalizando em Pequim, antes da viagem de trem, ou para os trens que chegam em Pequim, poderá também incluir os roteiros acima depois da viagem de trem. Ou ainda fazer a extensão para as cidades na Rússia, ou começando pela China e finalizando na Russia.

Existem 4 trens turísticos diferentes: Golden Eagle Transiberiano, Transiberiano Zarengold, Grande Expresso Transiberiano e Transiberiano Imperial Russia.

Próximo da cidade de Ulan-Ude, na Rússia, a Transiberiana se divide em duas direções: uma para Vladivostok (Transiberiana, em vermelho) e outra segue para Ulan Bator e depois Pequim (Trans-Mongoliana, em azul). Mais adiante, ao norte da Sibéria, em Chita, ainda há um ramal em direção a China (Trans-Manchuriana, em amarelo).

Transiberiana: de Moscou a Vladivostok.

São 9.289 km de extensão com um tempo de viagem na transiberiana de 6 dias, parando apenas por alguns minutos ou poucas horas nas estações.

Trans-Manchuriana: ramal de Chita a Pequim.

Passando por Harbin, a extensão da transiberiana fazendo o trajeto de Moscou a Pequim, é de 9.001 km, com um tempo de viagem de 5 dias e 23 horas.

Trans-Mongoliana: ramal de Ulan-Ude a Pequim.

Passando por Ulan Bator, a extensão da transiberiana fazendo o trajeto de Moscou a Pequim, é de 7.854 km com um tempo de viagem de 5 dias e 9 horas.
Todas as 3 rotas podem ser feitas em ambos sentidos, começando e terminando em todas as cidades (Pequim, Vladivostok e Moscou)
Por questões de entendimento, normalmente é comum se referir aos três trajetos como sendo a Transiberiana. Na verdade, no trajeto em direção a Pequim também viaja-se na Trans-Manchuriana ou na Trans-Mongoliana.

Avatar

Kátia Ribeiro

Travel Designer - Colecionadora de Memórias - Sem Limites Para Explorar o Mundo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *